Saúde

UBS 1 de Samambaia intensifica ações para o Outubro Rosa.

Vistos

A Unidade Básica de Saúde 1 de Samambaia está com uma programação intensa para este Outubro Rosa. Além de receber e atender às mulheres, recolhendo material para exame de citopatologia (Papanicolau) e realizando os encaminhamentos para mamografia, a UBS também promove palestras, oficinas e fazendo testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites B e C.

As palestras têm como tema o autoexame e o câncer de mama, esclarecendo sobre a doença e orientando para a necessidade de cada mulher conhecer seu corpo e identificar qualquer alteração identificada.

Já nas oficinas, as pacientes são informadas sobre a coleta de prevenção (citopatológica), bem como sobre a importância de fazer os testes rápidos para identificar as possibilidades de doenças contagiosas, como HIV, sífilis e hepatites.

A importância da prevenção

Marya Clara Pereira Fagundes da Silva, de 19 anos, recebe atendimento de rotina em outra unidade, mas, nesta quarta-feira (9), foi à UBS 1 participar das atividades de prevenção ao câncer de mama. Apesar de não estar na faixa de idade considerada de maior risco (a partir dos 50 anos), Marya sabe da importância da prevenção.

“Eu tenho caso na família”, conta. “Vi o que acontece com uma pessoa que tem a doença, e o melhor é se prevenir para não descobrir só quando [a enfermidade] está em estágio avançado.” Maria Clécia de Sousa Sena, 66 anos, também segue essa orientação. “É importante nós, mulheres, fazermos nossos exames; precisamos ter cuidado”, ressalta.

“Estamos acolhendo e encaminhando todas as mulheres que buscam a unidade para fazer os exames de mama e citopatológicos, não importando se a UBS de referência é esta ou não, conforme orienta a Secretaria de Saúde”, esclarece o gerente da unidade, Arillson Francisco de Oliveira.

Atividades

As pacientes têm demonstrado interesse pelas oficinas de beleza, onde recebem dicas de maquiagem, ganham corte de cabelo e outros cuidados de beleza, enquanto outras mulheres frequentam aulas de automassagem.

Paralelamente, durante todo este mês, as unidades básicas de saúde e as policlínicas estarão de portas abertas para receber as mulheres e realizar exames preventivos e mamografias.

A doença

Depois do câncer de pele não melanoma, o câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres, correspondendo a 25% dos casos novos registrados anualmente em nível mundial e, no Brasil, a 29%.

O sintoma mais comum é o aparecimento de nódulo, geralmente indolor, duro e irregular, mas há tumores que são de consistência branda, globosos e bem definidos.

A rede pública de saúde garante a toda mulher o acesso gratuito à mamografia. É o profissional de saúde quem recomenda se a paciente deve ou não se submeter aos exames, de acordo com seu histórico familiar, sua idade ou em caso de suspeita de alguma alteração na saúde.

o autorKésia Paos
Coordenadora de Jornalismo Local
Jornalista da rádio Ativa FM
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
WhatsApp #ZAPATIVA