CulturaNoticias

O Rapper Amaro lançará “Fiz esse EP só pra você” dia 26 de janeiro

“Fiz esse EP só pra você” é o título do novo EP do rapper Amaro, que conta a partir da sua própria história e suas tragédias pessoais, uma busca por ressurreição através da arte

Vistos

Amaro, brasiliense, nascido em 10 de dezembro de 1988 é cantor/compositor e explora da sua formação em Artes Visuais para desenvolver sua pesquisa poética/estética na construção de suas músicas. Rapper, oriundo de uma das maiores periferias do DF, Amaro teve o primeiro contato com a cultura HipHop em 2003 através do grafitte, logo depois começou a fazer rap por influência de seu irmão, chegando à fazer parte de alguns grupos de rap. Hoje seu trabalho estabelece diálogos com as linguagens do universo pop, mesclando cultura queer e militância LGBTQIA+ em seu discurso.

Em 2007 o Ministério do trabalho, em parceria com o Consórcio Social da Juventude do DF premiou Amaro pela sua iniciativa concreta no mundo do trabalho, reconhecendo sua produção como artista e valorizando sua influência para sua comunidade.

De 2008 à 2016, atuou apenas como artista visual, fazendo diversas exposições da sua produção. Assinou a ilustração que estampou os abadás da primeira micarê LGBTQIA+ da história de Brasília, foi responsável também pela criação do mascote do Bloco da Diversidade, entre outros.

Em 2017, Amaro reconectou-se com a música, iniciando sua carreira solo e esteve entre os 3 finalistas do Primeiro Concurso de Novos Talentos promovido pela maior casa noturna LGBTQIA+ de Brasília, Victoria Haus. Na sequência lançou seu primeiro single/clipe chamado “Miga, melhore!”. O single, bem recebido pelo público brasiliense, fez com que Amaro fosse chamado para abrir shows de artistas como Pabllo Vittar, Karol Conka, Iza, Glória Groove, Aretuza love, Lia Clark, Pepita e Ludmilla.

Em junho de 2018, Amaro lançou seu álbum de estreia -premiado pelo Sesc Expressões Urbanas – chamado MAR. Com 12 faixas autorais, Amaro define essa obra como autobiográfica, tornando-se assim o primeiro rapper GAY de Brasília a lançar um álbum exclusivamente com a temática LGBTQIA+. Teve seu trabalho visto no meio artístico com destaque a qualidade de suas composições, passando então a assinar faixas para outros artistas, como kaya Conky, Talíz, Tchelo (QUEBRADA QUEER), Mc Jenny, Dan Muratta, Pikineia, entre outros. Amaro também assinou a composição e interpretação de uma faixa para a campanha da Grife brasiliense Trapézio Brand, que busca na moda a subversão de questões de gênero.

No mesmo ano, em parceria com outros nomes do rap brasiliense, lançou o clipe da faixa “Revolução dos bichos”. A música que trouxe uma pauta das minorias invisibilizadas pela sociedade, rendeu a Amaro o reconhecimento e a importância de seu trabalho para a comunidade LGBTQIA+ pelo festival PIRIRAP- GO. A música e o videoclipe trouxeram mais visibilidade para o artista que foi reconhecido por um dos maiores nomes do Rap Nacional, o consagrado Dj Raffa Santoro, que passou a assinar a produção musical de seu trabalho também.

Em março do mesmo ano, assinou a composição de uma Marchinha para a trilha do BLOCO DA DIVERSIDADE, considerado pela crítica o melhor bloco de carnaval de rua de Brasília. No mesmo mês, Amaro, em parceria com a cantora brasiliense Talíz, lançou o videoclipe da faixa Zeppelin, que teve sua estreia em rede nacional, pela Tv Globo. Seu nome foi considerado pelo portal Metrópoles e pelo G1 Cultural como um dos maiores nomes que representam a nova geração do Hip Hop DF.  No mesmo ano Amaro apresentou-se nos maiores festivais de música de Brasília, como Favela Sounds e Festival Coma.Em janeiro de 2019, em parceria com o brasiliense Fiákra, lançou o single “LEGADO”, reforçando a luta pelos direitos de sua comunidade. O videoclipe gravado em frente ao QG do exército teve uma repercussão positiva por grande parte do público e incomodou bastante aos adeptos do militarismo. A ação subversiva dos artistas durante a gravação do videoclipe da faixa alterou até mesmo o funcionamento do QG.

Em 2020 lançou seu primeiro EP, intitulado MADE IN GUETO. O trabalho que tem como conceito o orgulho à sua origem periférica, soa como uma grande homenagem à sua quebrada, Samambaia Sul. MADE IN GUETO foi contemplado pelo Festival No Seu Quadrado e teve apoio da Secretaria de Estado de Cultura e economia do DF. Com o EP, Amaro também participou da live nacional da semana de orgulho e resitência LGBTQIA+. Durante a pandemia, Amaro laçou mais um single chamado “Eu sei o que vocês fizeram nas eleições passadas”. O videoclipe que faz referência à icônica obra de Pablo Picasso, Guernica, foi muito bem recebido por portais políticos, ganhando espaço em veículos de comunicação com o Jornal Brasil de Fato e Mídia Ninja.

Amaro encerrou precocemente a divulgação de seu EP com o single “Morta feat Enterrada” que contou com um clipe cinematográfico baseado na obra de Tarantino. O trabalho levou Amaro à se apresentar nos festivais Ruas Convida e Porão do Rock. Em dezembro de 2020, o produtor londrinense Will Farina, reconheceu o trabalho de Amaro, aliando-se à sua produção e juntos lançaram o single “só pra você” que faz parte do próximo EP do artista que será lançado em 26/02/2021.

Intitulado “Fiz esse EP só pra você”, Amaro iniciará 2021 com mais um trabalho autoral explorando relações homoafetivas. De maneira amarrada o EP conta em suas 04 faixas uma história de desilusão amorosa, o caminho trilhado da baixa autoestima à superação, das dores até os seus processos de cura. Amaro promete em seu novo trabalho uma sonoridade nova, tendo o rap como sua base, mas flertando com o trap e outros ritmos como o tango, a música latina, o r&b, entre outros.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
WhatsApp #ZAPATIVA