Segurança

Ceilândia recebe praça revitalizada a partir de parcerias e trabalho de detentos da Funap

Vistos
A população da Ceilândia (DF) recebe nesta quarta-feira (13/03) a praça da QNO 4/6, no Setor O, totalmente revitalizada a partir dos trabalhos dos detentos da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (Funap), órgão da Secretaria de Justiça e Cidadania do DF. A inauguração oficial será às 9h, com a presença do secretário da Sejus, Gustavo Rocha, e de outras autoridades do Governo do Distrito Federal (GDF).

 

Os trabalhos foram possíveis por meio de uma parceria que envolveu as secretarias de Justiça e Cidadania, por meio da Funap, de Segurança Pública, Subsecretaria do Sistema Penitenciário do Distrito Federal, e a Administração Regional de Ceilândia, que recebeu apoio de empresários locais.

A ação, além de beneficiar os moradores da Ceilândia, mostra a importância do trabalho social desenvolvido pela Fundação. O secretário da Sejus, Gustavo Rocha, disse que “a obra, por si só, já é importante para a comunidade, mas ganha maior valor quando é feita a partir de uma ação de reeducação e reintegração social”.

A diretora-executiva da Funap, Deuzelita Pereira Martins, ressalta também que a importância desse trabalho é, além de entregar as revitalizações de uma forma ágil e barata, ajudar na socialização. “Eles aprendem também a importância do respeito com o patrimônio público”, afirmou.

De acordo com o gerente de Administração Penitenciária e idealizador do projeto, William Monteiro, “o programa visa a integração social dos reeducandos e a contribuição para a remissão de suas penas, o que é muito estimulante”.

Os detentos da Funap contribuíram com a mão de obra e, em troca, são beneficiados para a progressão do regime. Três dias trabalhados equivalem à remissão de um dia na pena. Em 10 dias, 35 reeducandos da Funap trabalharam na quadra poliesportiva e no parque infantil. Os internos realizaram a pintura do piso da quadra, a troca das telas do alambrado e da areia do parquinho, além do plantio de 19 árvores e a recuperação do parquinho e das mesas do local.

Um dos detentos envolvidos reforça: “Gostei muito de trabalhar na reforma e ganhei uma ótima oportunidade”. Os detentos da Funap também já trabalharam na revitalização das praças da Candangolândia e de Samambaia.

Késia Paos
o autorKésia Paos
Coordenadora de Jornalismo Local
Jornalista da rádio Ativa FM

Deixe uma resposta

WhatsApp #ZAPATIVA