Saúde

Casos de engasgo infantil são mais comuns do que parece

Vistos
Durante um momento de diversão, descuido ou desatenção, os bebês e crianças costumam colocar tudo na boca, sem se preocupar com as consequências. É aí que vem o problemas, peças pequenas de brinquedos, alimentos mal mastigados, podem engasgar e gerar um transtorno grave. “A asfixia ocorre quando um objeto ou alimento fica preso na garganta ou traqueia, bloqueando o fluxo de ar. Se o fluxo de ar for bloqueado, a asfixia poderá ser uma emergência médica e precisará de atenção urgente”, explica a cirurgiã dentista, Polyana Beserra Carvalho Shahrzad. Essa situação acontece, mesmo com os pais ou responsáveis estão por perto. Por isso é importante ficar atento ao comportamento dos pequenos. Portanto, o principal sintoma é a incapacidade de respirar e falar. Pode haver também tosse, e em casos graves, a pele pode ficar azul devido a má circulação. “O objeto pode ser desalojado por meio da alternância entre cinco pancadas nas costas entre as omoplatas e cinco compressões abdominais (manobra de Heimlich)”, acrescenta a cirurgiã dentista. A especialista diz que pessoas adultas também não estão livres de engasgos. Quando isso ocorrer, ela orienta que o objeto pode ser desalojado através de manobra que consiste em segurar por trás, passando seus braços em torno da cintura da vítima, de maneira que suas mãos se encontrem na altura do umbigo. A outra mão deve manter o punho fixo no local e comprimir o abdômen de forma rápida e forte, de baixo para cima, em seguida, de 5 vezes seguidas, fazer uma breve pausa e repita até a pessoa desengasgar. Dr. Mehdi Shahrzad – CRO DF 9438 Graduado em Odontologia pela UnB, Especialista em Endodontia pela ABO-Taguatinga, Especialista em Implantodontia pela ABO-Taguatinga, Curso em Cirurgia Oral pela São Leopoldo Mandic/DF, Professor convidado no curso de Especialização em Endodontia do Instituto Premier/DF, Professor convidado na disciplina de Endodontia da Universidade de Brasília, Utilização de Microscópio Odontológico. Dra. Polyana Beserra Carvalho Shahrzad – CRO DF 9320 Graduada em Odontologia pela UnB, Mestre em Ciências da Saúde com ênfase em Prótese Dentária pela UnB , Especialista em Ortodontia pela ABO-Taguatinga, Curso de Estética Dentária pela EAP/DF, Curso de Imersão em Facetas em Cerâmicas pela Imersão Dental/DF, Curso de Facetas no Instituto Integrato/DF, Professora convidada na disciplina Clínica Integrada da Universidade de Brasília, Credenciada ao sistema de alinhadores estéticos Invisalign.
o autorKésia Paos
Coordenadora de Jornalismo Local
Jornalista da rádio Ativa FM
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
WhatsApp #ZAPATIVA