CidadeCulturaEsportesNoticias

Samambaia recebe seleção brasileira de Hip Hop

Vistos

No último sábado, 12 de maio, integrantes da Seleção Brasileira de Hip Hop se apresentaram no Centro de Ensino Médio 414, em Samambaia, com o espetáculo “Resiliência”. Parte da coreografia apresentada para a população do DF, também concorrerá a um campeonato mundial hip hop, que acontecerá em agosto, nos Estados Unidos.

Com o projeto Resiliência, 30 dançarinos percorrem instituições públicas e particulares do DF para levar a mensagem da importância da resistência e da mudança pessoal como formas de evolução humana. E, aproveitam a ocasião, para reforçar o treinamento e se aperfeiçoar para a disputa internacional.

Durante as performances, os profissionais sobem ao palco mesclando movimentos das danças urbanas e contemporâneas. Originalmente, elásticos ajudavam os bailarinos a dar ainda mais vida ao balanço corporal, mas, para que fosse possível apresentação em todas as instituições, independente da estrutura, os dançarinos resolveram adaptar a coreografia. Assim, precisaram treinar ainda mais para executar os passos sem ajuda de apoios.

O CEM 414 de Samambaia é a segunda escola a participar da ação. O coordenador do projeto, Dilvan Rodriguez, explica que as expressões corporais colocadas em cena refletem as passagens da vida real, com perdas, desilusões, separações e outros acontecimentos inevitáveis. “Queremos provocar no expectador uma indagação interna: qual é a minha capacidade de recuperação?”, sugere Rodriguez. “Fato é que quanto maior flexibilidade que uma pessoa possui, menos ela sofrerá com adversidades da vida”, completa.

Rafael Nino, que é o idealizador do Resiliência, afirma que o objetivo dos dançarinos é servir de inspiração para novas gerações. “Queremos mostrar que eles podem sonhar e realizar. Somos prova disso”, pondera. “Temos, também, a oportunidade de levar um espetáculo de música e de arte para dentro de algumas escolas que são tão carentes de eventos culturais como esses”, emenda.

As últimas encenações estão previstas para acontecerem depois de agosto – mês em que o grupo participa do World Hip Hop Dance Championship, que acontecerá na cidade de Phoenix, no estado norte-americano do Arisona. Eles embarcam nos primeiros dias do mês. A competição está prevista para começar em 5 de agosto. E essa não é a primeira vez dos profissionais da Cia Have Dreams em um campeonato desse porte.

Desde 2014, os bailarinos integram disputas, tanto no Brasil como no exterior. Sobre a Cia Have Dreams Nascida no DF, em 2010, a Cia Have Dreams foi criada pelo dançarino, coreógrafo e diretor Rafal Nino. Então morador de Ceilândia, Nino se inspirou em um filme chamado ”Escritores da Liberdade” para iniciar o trabalho na dança. O nome do grupo foi tirado da música “I Have a Dream”, que faz parte da trilha sonora do filme.

Deixe uma resposta